Riscos de doenças. Essa é a principal preocupação de moradores do município de Santa Rita com a ausência de coleta de lixo na cidade, que há mesas não é realizada. Enquanto isso a população convive com o estado de calamidade pública.

Somente em março desse ano foram despejadas 16 mil toneladas de lixo no principal rio da cidade, entre pneus, restos de materiais de construção, sacos plásticos, dentre outros materiais que degradam o meio ambiente.

Moradores do Centro, Várzea Nova, Jardim Planalto e Bairro Popular, informaram que a gestão pública não faz,  a coleta dos resíduos que se acumulam nas ruas, esquinas e até em frente das casas, postos de saúde, escolas e outros equipamentos públicos.

Atualmente, cerca de seis mil toneladas de lixo são jogadas, todos os meses, em terrenos e nos leitos dos rios e mananciais de Santa Rita.

Atento a situação o jovem morador do bairro de Várzea Nova, Niedson David, decidiu criar um clipe para tratar do assunto de forma cômica, “Minha Cidade Ta um Lixão”, é o nome dado ao vídeo que está fazendo muito sucesso nas redes sociais, tratasse de uma paródia da música 50 reais da cantora Nayara Azevedo.

Confira o Vídeo;

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite o seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.