Foto: TV Cabo Branco/Reprodução

O homem suspeito de matar o ator e professor de teatro, Simão Almeida Cunha, em João Pessoa, no domingo (6), deve ir para a Penitenciária Desembargador Sílvio Porto, como foi determinado durante uma audiência de custódia realizada no Fórum Criminal, na capital paraibana, nesta quinta-feira (10).

O Núcleo de Audiências de Custódia do Tribunal de Justiça da Paraíba informou que a juíza Isa Mônia Vanessa de Freitas Paiva determinou a prisão preventiva de Ailton Romero, de 29 anos.

O suspeito, que tem antecedentes criminais, foi detido pela segunda vez durante as investigações na quarta-feira (9), após imagens registradas por câmeras de segurança, que mostram o momento do crime, serem coletadas pela Polícia Militar e entregues à Polícia Civil. Uma das testemunhas reconheceu o homem.

Ele já havia sido preso na terça-feira (8), mas, conforme a Polícia Civil, foi liberado no mesmo dia por não haver provas suficientes sobre o envolvimento dele no crime.

DEIXE UMA RESPOSTA

Digite seu comentário
Digite o seu nome

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.