Unidade do IFP em Campina Grande foi interditado pelo Procon — Foto: Procon-CG/Divulgação

Uma unidade do Instituto de Formação Profissionalizante da Paraíba (IFP-PB) foi interditada pelo Programa de Proteção e Defesa do Consumidor, na manhã desta segunda-feira (4), em Campina Grande. De acordo com o coordenador executivo do Procon Municipal, Rivaldo Rodrigues, a instituição, que estava oferecendo cursos profissionalizantes, foi interditada após denúncias feitas por alunos.

Entre as denúncias, estão instalação precária, publicidade enganosa e assédio moral na cobrança de mensalidades. O diretor do Instituto interditado, Milton Nascimento, negou a precariedade das instalações e afirmou que qualquer compromisso gerado por parte da instituição é pautado pelos contratos e termos, assinados pelos alunos.

Segundo Rivaldo Rodrigues, o estabelecimento localizado no Centro da cidade estaria descumprindo mais de dez artigos do Código de Defesa do Consumidor. Mais de 50 alunos denunciaram que a instituição estaria fazendo cobranças excessivas e que no local não havia estrutura suficiente para a realização dos cursos.

“Nós demos um prazo de até 48 horas para que a instituição apresente uma solução aos alunos, caso isso não aconteça a multa é de pelo menos R$ 50 mil”, disse o coordenador executivo do Procon Municipal.

A interdição aconteceu por volta das 9h30 e a Polícia Militar também esteve no local. Entre as denúncias, os alunos também relataram falta de acessibilidade, número de aulas diferente do anunciado pela instituição e falta de água para os estudantes no estabelecimento.

“Foram registradas mais de 50 reclamações. Eles não possuem nenhum tipo de acessibilidade de acordo com a Lei de Acessibilidade do município. Além disso, infringiram também um artigo do Código Civil”, informou Rivaldo Rodrigues.

Em nota, a direção da instituição informou, ainda, que os serviços foram temporariamente suspensos, mas que está trabalhando para retomar as atividades, sem que haja prejuízos.

VIAG1 PB
Redação
Compartilhe informações pelo nosso WhatsApp: 83 99619.3881 | 98611.8630

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.