Foto da internet

Do Twitter do site Jota:

Rosa Weber se manifesta contra a prisão após condenação em 2ª instância. “Não é dado ao intérprete ler o preceito constitucional pela metade, como se tivesse apenas o princípio genérico da presunção da inocência, ignorando a regra que nele se contém – até o trânsito em julgado”

Redação
Compartilhe informações pelo nosso WhatsApp: 83 99619.3881 | 98611.8630

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.