Hoje, mais do que nunca necessitamos trabalhar para garantir o sustento e a qualidade de vida. Ma,s nessa busca incessante nosso corpo e mente vem adoecendo.

Pensando nisso e em lembrança ao dia do Trabalhador, que se deu na última quarta-feira (dia 01/05), falaremos sobre a Importância de buscar o equilíbrio no ritmo de trabalho para evitar prejuízos a saúde.

O excesso de trabalho acarreta a falta de tempo para o descanso, o lazer, a prática de exercício físico e a alimentação adequada. E em consequência vemos pessoas cada vez mais estressadas, ansiosas, depressivas, hipertensas, cardiopatas, entre outras condições.

Se tratando da alimentação nunca se viu tanto o crescimento dos chamados “fast food”, uma expressão no inglês que podemos traduzir como “comida rápida”. São restaurantes que fornecem alimentos de forma rápida pois não temos tempo de esperar que uma refeição seja preparada e menos tempo ainda para preparar nossas próprias refeições.

Mas, qual o mal do fast food?

São, geralmente, alimentos processados e ultrapassados, ricos em sal, gorduras e açúcares.

O consumo frequente desses alimentos é um dos principais fatores do desenvolvimento das doenças crônicas não transmissíveis como diabetes, hipertensão, doenças cardiovasculares e alguns tipos de cânceres, além de outros danos de saúde.

Outro problema relacionado ao excesso de trabalho é a falta de tempo de realizar as refeições, interferindo na saúde e no desempenho do trabalho.

Todo essa sobrecarga de serviço vem adoecendo substancialmente a população e é necessário se esforçar para chegar a um equilíbrio de vida saudável em que o trabalho não seja um fator de insanidade para nós.

Para que você tenha uma melhor relação com sua saúde e com o seu trabalho atente para essas dicas:

– Estabeleça horários para seu descanso e lazer;

– Estabeleça horários para suas refeições;

– O ideal é se fazer de 5 a 6 refeições por dia. Tente ao menos realizar 4 (café da manhã, almoço, jantar e um dos intervalos de lanche);

– Busque inserir alimentos saudáveis em suas refeições;

– Evite beliscos e alimentos que prejudiquem sua saúde;

– Prepare alimentos práticos e saudáveis para suas refeições diárias;

– Beba sempre água;

– Pratique um exercício físico.

Parece difícil realizar a maior parte dessas tarefas para quem tem o dia a dia tão corrido, mas tudo é questão de hábito. Mesmo que lentamente, tente inserir hábitos de vida saudáveis e diminuir os prejudiciais. Isso sem dúvidas será benéfico para sua saúde e seu desempenho no trabalho.

“A gente não se liberta de um hábito atirando-o pela janela: é preciso fazê-lo descer a escada, degrau por degrau.” (Mark Twain).

 

 

Imagens disponíveis no Google imagens

 

Lidiane Barros / Nutricionista

CRN: 11.342

Lidiane Barros
Lidiane Barros é especialista em Nutrição clínica, esportiva e escolar. Graduada pela Universidade Federal da Paraíba em 2013 e Pós-graduada em Bases Nutricionionais da Atividade Fisica pela Estácio de Sá, além de Nutrição Esportiva pelo Cintep.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.